Debate sobre a renovação da frota do transporte coletivo

Durante a sessão plenária do dia 21/11, os vereadores debateram sobre a qualidade do transporte coletivo de Curitiba. São 560 veículos com idade vencida circulando pela cidade, e esse é um dos maiores motivos para os usuários se afastarem desta opção de transporte, além do valor da tarifa e da segurança não garantida. Vereadores da base do prefeito dizem que em breve haverá uma aquisição de novos veículos com ar condicionado e câmeras de segurança, porém é alertado que isso será feito por meio do Fundo de Urbanização de Curitiba (FUC), já que com o valor da passagem desde o começo do ano ele vem aumentando em alguns milhões, tendo uma frota pública adquirida com o dinheiro público.

Felipe Braga Côrtes (PSD) ponderou que há pouca informação sobre o acordo feito entre a prefeitura e as concessionárias. “A Câmara precisa estudar o assunto com afinco, se for preciso, encaminhar pedidos de informação com transparência total”, disse o parlamentar.